A batata foi descoberta no Peru, mas foi quando Francisco Pizzaro a levou para Europa que ela ganhou o mundo, em 1530. As pessoas tinham receio de comê-la porque achavam que era venenosa, mas a partir de 1772, ela começou a ser utilizada a partir de experiências do agrônomo francês Antoine Parmentier.

O primeiro segredo é utilizar batatas que não soltarão muita água na hora de fritar, como bintje ou asterix.

Para que as batatas fritas fiquem bem sequinhas, depois de cortadas, coloque-as em água fervendo por alguns minutinhos e, em seguida, em água com gelo. Escorra bem, frite em bastante óleo e escorra em papel-toalha.

Você também pode fazê-la em duas etapas. Tire as batatas no meio da fritura. Deixe-as descansar um pouco e as reponha no óleo. O importante é manter o amido perfeito. Também vale o truque de alguns minutos no congelador.

Experimente as duas e veja a melhor para você.