Você Conhece? 

Artocarpus incisa ou fruta-pão.

A árvore-do-pão ou fruta-pão é uma árvore frutífera, aparentada com a jaca. Planta originária da Indomalásia ou da Malásia; seu fruto é base alimentar para povos ilhéus da Polinésia.São conhecidos pelo elevado valor nutricional e versatilidade culinária.

As frutas-pão dividem-se em duas variedades: a apyrena, conhecida por fruta-pão de massa, que não possui sementes, e a seminífera, conhecida por fruta-pão de caroço, que apresenta numerosas sementes comestíveis e polpa não-comestível.

É uma árvore ornamental, de grande porte, e crescimento rápido, podendo alcançar 20 metros de altura. Longeva, vive cerca de 80 anos. Sua folhas são muito bonitas, grandes, perenes e profundamente lobadas. Se for machucada, ela exsuda um látex leitoso que tem aplicações artesanais, para calafetação e como cola. A fruta-pão é uma planta monoica, isto é, com os dois sexos na mesma planta e flores separadas, masculinas e femininas. A polinização é cruzada, mas a frutificação não depende da polinização.

Os frutos são grandes, redondos como melões, e chegam a pesar 3 kg. Sua casca é de cor verde-amarelada e sua polpa é amarelo-escura nas frutas de massa e amarronzada na variedade com sementes. As frutas de massa são ricas em amido, proteínas e vitaminas e podem ser consumidas cozidas, assadas, em doces ou até mesmo fritas. Também podem ser transformadas em farinha [1] e utilizadas em panificação e confeitaria. As sementes também são comestíveis e podem ser preparadas como outras castanhas, assadas ou cozidas.

Deve ser cultivada sob Sol pleno em solo fértil, profundo, drenável e irrigado periodicamente. A fruta-pão é uma árvore de clima tropical úmido e adapta-se bem ao litoral. Não é tolerante a locais demasiadamente secos ou frios. A frutificação inicia-se após 3 a 5 anos de implantação. A variedade que não produz sementes multiplica-se por estaquia de raízes. A variedade que produz sementes multiplica-se por sementes.

Foi trazida na colonização para o Brasil, mas quando o Império Português chegou, foi banida por ordem do imperador e quase dizimada completamente.

Na casa da minha mãe tem uma dessas árvores enorme de fruta pão, super carregada. Calculei ter uns 100 frutos sem exagero nenhum.

A árvore é  realmente linda e acho que poucas pessoas conhecem .

Fiz a fruta pão como faço com mandioca.

Cozida e frita e ficou deliciosa. Seu sabor e parecido com a  batata  doce. Nunca fiz, mas ficaram de me dar a receita da sopa de fruta pão.

Dizem que é otima, parecida com a de batata.

Também pode se fazer rosca ou pãozinho.

Assim que tiver amadurecida outras frutas. Vou testar o pãozinho e darei a receita.