Ouvimos todos os dias sobre comidas orgânicas, alimentos saudáveis. Mas, como criar em nosso país um sistema sustentável de alimentos.
Os especialistas garantem que isso é construído dia a dia, desde o café da manhã escolhido de forma responsável, até a última refeição.Unknown
Anna Lappe, uma defensora da causa nos Estados Unidos, escreveu o livro ‘Diet for a healty planet’, onde aponta sete importantes passos para conseguirmos esta sustentabilidade.

Compre, alimentos integrais verdadeiros. Isso significa adquirir alimentos o mais próximo de seu estado natural quanto possível. Alimentos que não tenham sido submetidos a processo intensivo de energia e que não contenham ingredientes quimicos na composição.Prefira morangos frescos orgânicos a barras com sabor morango.images-1

Coloque os alimentos de origem vegetal como a estrela do seu prato e deixe que os de origem animal sejam o coadjuvante na sua refeição.

Compre orgânico. Ana recomenda compras de alimentos que tenham sido produzidos sem produtos químicos industriais e outros insumos de alta energia. Procure o selo orgânico quando fizer suas compras.

Compre em supermercados que vendem alimentos de produtores locais.Unknown-1

Não desperdice. A mudança de hábitos passa por esta responsabilidade. De 30 a 50% de toda a produção alimentícia do mundo é desperdiçada.E se o desperdício de alimentos fosse um país, seria o terceiro maior emissor de gases de efeito estufa no mundo, depois dos Estados Unidos e da China! O que você pode fazer? Não compre mais do que você precisa; use o que você tem, cozinhe os legumes que ficam em sua gaveta da geladeira em vez de deixá-los murchar e morrer, faça o almoço para levar para o trabalho, reaproveite suas sobras.

Use menos embalagens: Escolha alimentos com um mínimo de embalagem quando você compra; traga suas próprias sacolas para o supermercado ou no mercado dos agricultores; use recipientes reutilizáveis ​​para as suas sobras.

E a atitude que adoramos fazer: Cozinhe. Faça suas refeições leves e saudáveis, com receitas saborosas.images

Assim contruiremos um mundo mais justo e sustentável!