Quando você pensa em comer uma salada, sempre vem aquela sensação de regime e de coisa sem graça. Mas, desde sempre, a Salada César lhe leva a um momento de prazer gastrônomico.E quase ninguém pensa que ela pode ter surgido num momento de privação americana.

Era a lei Seca, e os restaurantes não podiam servir bebidas alcoólicas. Os proprietários de restaurantes tiveram que inovar para manter a clientela. Um destes donos de restaurante foi Caesar Cardini, que de seu restaurante em San Diego, Califórnia, olhava com inveja o México, que podia servir bebidas. Então, ele e seu irmão abriram uma casa em Tijuana do outro lado da fronteira.

Em pouco tempo, os famosos começaram a cruzar a fronteira para beber e comer no novo local.

Conta-se que no dia 4 de julho de 1924, o restaurante tinha tanta gente que a comida começou a faltar. Ele teve então a idéia de preparar uma salada na mesa, em frente aos clientes.

E aí foi um enorme sucesso. Cark Gables ia de sua cidade até Tijuana somente para comer a Salada Caesar.

A socialite da época Wallis Simpson levou o Barão d Rothschild e Yes Saint Laurent até Tijuana para provar a salada, e levou a receita aos chefs europeus para que eles a fizessem na Europa.

Com o tempo, em 1938 Cardini abriu uma loja gourmet em Los Angeles e com sua irmã Rose, começou  a vender o molho da Caesar.

Os chefs começaram a fazer variações com frango e filés. Assim surgiu uma Salada do Aviador com anchovas, que não foi aprovada por Cardini, porque a achava oleosa.

A salada ficou realmente famosa quando Julia Child a apresentou em seu programa de TV no anos 1970, com o próprio Cardini a preparando; dizem que foi emocionante.

Salada Caesar

Por 16 de março de 2015

  • Faça sempre com alfaces bem fresquinhos.
  • Lave e seque bem antes de usar.
  • Se quiser usar frango, fica mais substancioso.

  • Tempo de preparo : 30minutos
  • Receita serve : 4 porções
Fatos nutricionais (por porção) : Calorias: 300;

Ingredientes

Instruções

  1. Despeje o azeite em uma panela e adicione o alho.
  2. Delicadamente aqueça o azeite em fogo baixo. Não frite muito o azeite.
  3. Retire do fogo e reserve por 30 minutos.
  4. Coloque o ovo numa panela com água fria e deixe levantar fervura.
  5. Ferva por 1 minuto e mergulhe o ovo em água fria para interromper o processo de cozimento.
  6. Quebre o ovo no processador de alimentos e adicione o alho com o azeite, o suco de limão e o molho inglês.
  7. Processe bem e tempere com pimenta a gosto.
  8. Frite os cubinhos de pão em pouco de azeite até ficarem crocantes e dourados e, em seguida, deixe escorrer sobre o papel toalha.
  9. Para servir, coloque a alface romana numa tigela, arrumando a ponta das folhas para fora em círculo.
  10. Despeje o molho por cima e adicione os cubinhos e o parmesão.
  11. Coloque a salada no meio da mesa para as pessoas pegarem com as mãos.

Fonte: Quem colocou o filé no Wellington

Imprimir
Adicionar aos favoritos